Friday, December 27, 2013

Tu não sabes


Tu nao sabes
Quanto tempo vais poder
Dizer: «Este sou eu»,
Gritar que o chao é teu,
Tu nao sabes,
Que o céu chama por ti,
Quando à noite te sorri,
Quando as pétalas se abrem 
Só por si,
Tu nao sabes.

Tu nao sabes
Quanto tempo iras pedir
Quando o sangue te fugir,
Quando o punho se fechar
Sobre ti,
Tu nao sabes,
Que o sonho nao morreu
Quando o beijo se perdeu,
Que a manha nao acabou
Só por nós,
Tu nao sabes.

Que palavras vais usar
Quando o sono nao vier,
Quando a noite te disser:
«Vem comigo».
Que loucura iras dizer
Quando a mao que te apertar
Te pedir para ficares
Só mais um dia,
Tu nao sabes,
Tu nao sabes,
Tu nao sabes.

Tu nao sabes
Quantos rios se vao deter,
Quantos olhos vao beber
Nas palavras que colaste
Junto ao peito,
Tu nao sabes,
Que os teus dedos sao ja meus,
Que se vao fechar nos teus,
Quando os barcos se despedem
Na maré,
Tu nao sabes.

Que palavras vais usar
Quando o sono nao vier,
Quando a noite te disser:
«Vem comigo».
Que loucura iras dizer
Quando a mao que te apertar
Te pedir para ficares
Só mais um dia,
Tu nao sabes,
Tu nao sabes,
Tu nao sabes,
Tu nao sabes….


Em repeat mode.
"É nos momentos de crise, que as pessoas se definem." Esta frase ficou comigo, como ficam tantas outras até as deixar aqui, nuas de tanto as pensar.Quem ma disse, sabe do que fala e descobriu pessoas dentro de outras, estranhos, seres nunca antes vistos, em situações de crise. Mas o que é uma situação de crise? E porque temos nós que ter outra pessoa para ser, nessa altura de crise? A que temos não serve? Não tem a coragem suficiente? Porque permitimos então que vivam outras pessoas dentro de nós, por tanto tempo e tão sufocadas? Porque não conseguimos então concentrar tudo aquilo que somos em nós, em nós de verdade e apenas numa só criatura? E eu que sempre procurei essas pessoas, as que lá estão dentro, as do mais íntimo, as do mais verdadeiro. Eu que nunca fechei os olhos a essas pessoas incomodadas dentro de outras e procurei sempre encontrá-las, ouvi-las, compreendê-las, libertá-las.... e isto não foi suficiente. Há quem diga que não podia ter feito mais. Podia, podemos sempre fazer mais, podemos sempre fazer melhor.

A força

Diz-se que sou forte. Eu acho que sou. Mas não o sou sozinha, porque acredito que sozinhos não somos nada. Não fomos feitos para estar sozinhos, por isso vivemos em sociedade, em comunidade; por isso nos juntamos - casados ou não - e temos filhos, criamos famílias, rodeamos-nos de pessoas que gostam de nós, que muitas vezes dependem de nós; criamos laços afectivos, envolvemos-nos emocionalmente e isso motiva-nos, dá-nos força e faz-nos viver. É isso que nos motiva: as pessoas e os sentimentos que por elas sentimos, nada mais. Por isso sou forte, porque não guardo para mim o que não me faz bem, porque tenho esta necessidade de partilhar, de repartir, de procurar os outros, de viver muitas vezes para eles, de perseguir a tranquilidade, a consciência, a paz, a explicação e a clareza de todas as situações; porque as desmonto na minha cabeça até encontrar um motivo, um sentido, ainda que seja eu que o esteja a construir e que apenas exista para mim. Sou forte porque bebo dos outros, vitórias e derrotas que guardo comigo num canto de inspirações. Sou forte essencialmente porque nunca estou sozinha, porque tenho sempre Deus comigo, que me carrega tantas vezes ao colo, deixando apenas um só trilho de pegadas na areia e me ajuda a recuperar nesse descanso. Sou forte porque tenho ao meu redor pessoas sãs, que me ajudam a compreender, a racionalizar, a recuperar, a digerir e também a perdoar. Sou forte porque tenho que ser, porque Deus assim o quis e assim me fez, para percorrer um caminho que é meu. Nada é por acaso, eu sempre acreditei. Agora posso não ver, mas um dia irei compreender.

Tuesday, December 24, 2013

Estou em casa

O mar traz-me força, e a dor a memória de estar viva.

Saturday, December 21, 2013

Surdo

O meu gato é surdo, porque eu grito-lhe: Não me mordas! E ele não ouve.....

Monday, December 16, 2013

É Natal!

É Natal, é Natal,
Não tenho coração!
Foi mordido, foi mordido
e levado por um cão!

Saturday, December 07, 2013

Parabéns a mim!!!

Parabéns a mim! Com direito a doces e tudo, porque sou muito JOVEM!!!!! :)