Tuesday, January 11, 2011

Gui, o gostosinho

Sábado fomos conhecer o G. Pequenino e amoroso, lá estava na sua inocência a preto e branco. O mano estava muito excitado com o acontecimento e duvidava se tinha nascido mesmo naquele momento. "Acabou agora mesmo de nascer? Agora? Mesmo agora? E a mãe está onde?", perguntava. A primeira coisa que disse quando viu o mano foi: "Feio, que nem um bode." Isto é amor, mas noutro formato :) Ainda é tudo muito estranho e ainda agora ele o está a descobrir....e nós também! Bem vindo ao mundinho, Gui.


E aqui vos deixo o trailer da melhor animação do ano: Gru, o mal-disposto (Dispecable Me) - alusivo ao nome do post, para quem não percebeu ;) eu hoje estou assim, a explicar tudinho, tudinho :)





3 comments:

Ana Aires said...

"Feio que nem um bode!" uma máxima que vou guardar para mim e repetir.

Di said...

Ele disse com um ar muito sério e admirado ao mesmo tempo; não tava nada à espera que afinal, "aquilo" fosse o mano!!! :P

É o máximo!

Littlewar said...

Aquele afilhado é mesmo gostoso e com o irmão agora ainda melhor. O GUI vê lá "nem tem dentes aqui à frente" LOL