Tuesday, November 16, 2010

Afinal

Não existem caras-metade. Existem pessoas que na sua singularidade, se amam pela eternidade, amadurecem lado a lado, partilham vidas, geram outras, e constroem momentos perfeitos, plenos de sentimentos sinceros. E isto aprende-se com pessoas com rugas na pele e com mil histórias para contar, de tanto que já viveram.
Ainda bem que este fim-de-semana foi em família, que me trouxe à memória bons momentos de família e me lembrou uma vez mais, que sozinhos não somos nada.
Obrigada aos papás por me trazerem esse calor.

2 comments:

Luis said...

Bonito.

Di said...

Porque veio do coração :)