Thursday, November 25, 2010

"Perguntei-le"

É outra que me irrita. Pergun...quê? Perguntei-le? Não te falta aí um 'h' (zinhu) nem nada? Eu trabalho com gente muito estranha.... ou muito pouco preocupada com a forma como se fala e escreve o nosso português. O_O

Tuesday, November 16, 2010

Afinal

Não existem caras-metade. Existem pessoas que na sua singularidade, se amam pela eternidade, amadurecem lado a lado, partilham vidas, geram outras, e constroem momentos perfeitos, plenos de sentimentos sinceros. E isto aprende-se com pessoas com rugas na pele e com mil histórias para contar, de tanto que já viveram.
Ainda bem que este fim-de-semana foi em família, que me trouxe à memória bons momentos de família e me lembrou uma vez mais, que sozinhos não somos nada.
Obrigada aos papás por me trazerem esse calor.

Sunday, November 14, 2010

Peixinhuuuusssss :)

Tenho peixinhos no blogue :) Peixinhos que não morrem, que abanam a cauda quando me vêem e que toda a gente pode alimentar! Isto é que são soluções!! O desafio é ver se estes, à semelhança do que acontece com os não-virtuais, também rebentam de tanto comer! Vamos lá todos alimentá-los "à bruta" :) ahahahaha

Saturday, November 13, 2010

E agora que o Outono chegou

Deixo-vos uma cor mais quentinha :)

Até parece que Outono só chegou agora, não é? Mas é o que se arranja amiguinhos!!! :D


Não sei se já tinha dito, mas sou fã do Google e as suas constantes new features eheheh

Wednesday, November 10, 2010

Nunca vos aconteceu

Não fazerem a pergunta na altura devida, e agora andarem todos a falar num acrónimo que não fazem ponta de idéia do que signifique? O.O

A pergunta vai-me sair na pior altura, eu sei, eu sei....

Tuesday, November 09, 2010

Isso de ter filhos

Numa manhã de brincadeira com o pai, ele pergunta:

- Pai, porque é que tu e a mãe decidiram criar-me?

E fica, com os grandes olhos negros de curiosidade vidrados no pai, à espera da resposta. O pai explicou-lhe que queriam constituir uma família, ter filhos, viver com eles e serem muito amigos. Ele ficou a pensar no que o pai tinha dito por um momento, e pergunta de seguida:

- E não se importaram com o trabalho?

É ternurento. Ele sabe que dá trabalho e reconhece, lá muito à maneira dele, que os pais têm esse trabalho. :)

The Social Network

Até é capaz de ser giro....




Mas não dá a sensação de ser um filme dramático? Tipo "o drama de ter criado o facebook"? Hummmm.....fui ver....