Tuesday, February 02, 2010

Diz que está podre

Já fazia algum tempo que não ia a um Otorrinolaringologista (essa grande palavra!) e depois de ter tido consulta com este senhor em particular, fiquei mesmo com a certeza de que mais valia não ter ido. A gracinha começou logo com os quinze minutos de espera (de atraso!) e prolongou-se com o mastigar incessante da pastilha elástica que o doutor tinha na boca (eu diria que há mais de três semanas, pela forma teimosa como a mordia).
Aos primeiros cinco minutos de consulta, já estava a fazer uma "chamadinha" a uma paciente, para "lá ir buscar o aparelho para fazer o exame". Quando finalmente olhou para mim, e depois da típica pergunta "então, o que a traz por cá?", passámos à examinação. Foi então que o senhor me fez lembrar um qualquer anão da Branca de Neve, ao atarrachar na cabeça uma tira de metal que segurava uma luzinha brilhante, qual mineiro trabalhador! E começou então a espreitar para dentro da minha garganta, com o acompanhar do já conhecido "aaaaaaaahhhhhhh", e de língua de fora. Foi então que exclamou "Iiiihhhh, as suas amígdalas.....isso tá tudo podre aí para dentro..." e mascava, mascava a sua pastilha, essa sim, já podre de tão mastigada. Ora......o que se responde a um comentário destes? O que se pensa sobre uma criatura destas? E como se deixa esta "pessoa" estar a trabalhar assim, directamente com pessoas que estão ali porque algo lhes dói, incomoda ou preocupa? Mas que sensibilidade extrema! Assim vale a pena. :S Pois eu limitei-me a perguntar o que aquela mente iluminada queria dizer com aquilo, e ele lá explicou. Conclusão: é melhor fazer umas análises; o costume. Eu fiz, e ao que parece, está tudo ok. Devo ter apanhado o senhor num dia mau. Ou então é mesmo e sempre assim..... que é uma peninha, porque à falta de certezas, nunca mais lá ponho os pés. :)

E sim, sim....sou a favor dos cotonetes, e depois??!? Sim aos cotonetes, não à comichão nos ouvidinhos!!! Tenho dito.

No comments: