Thursday, April 16, 2009

Playboy

Ora nesta profissão onde o sexo feminino ronda os 10%, tinha que se falar no fenómeno "Playboy-em-Portugal". Foi na hora do lanche que se falou na revista, no conteúdo, no dinheiro que se paga por cada sessão fotográfica, no efeito photoshop, no sucesso que a revista vai ter ou não, etc, etc. Curiosamente (não que se esperasse...naaaaaaaaaooo!), um dos meus colegas tinha um exemplar da revista na empresa e tive a oportunidade de ler. Sim, ler. Por incrível e irreal que pareça, a revista Playboy tem muitos (e bons!) artigos para ler. Entre eles, está um do Markl, que aproveita precisamente esta temática para dar título à sua coluna: "É só por causa dos artigos" - qualquer coisa assim -, em que justifica a compra da revista com "os artigos": "Querida comprei a revista Playboy, mas foi só por causa dos artigos!!!" :) Coisinhas à Markl. Giro.
Até se fala de Évora na Playboy e de design.....se isto se pensava possível! :P
Claro que no meio de tanta escrita lá aparecem umas meninas descascadas, muitas e grandes mamas desnudas, mas nada que, em quantidade, não se tivesse já visto na FHM ou qualquer outra revista do género. Sinceramente, surpreendeu-me. Até quis fazer o acordo de "dividir" a revista com o meu colega, mas ele não achou bem arrancar as meninas e dar-me o resto....pena :P
O facto é que as revistas destinadas aos homens são intelectualmente mais interessantes, mais objectivas e com uma diversidade de assuntos abordados muito maior. A diferença é que neste tipo de revista lêem-se palavras como puta ou merda em letras garrafais e a vermelho, não é isso que as torna ordinárias ou vulgares, até nisso são mais directas. Não percebo. A futilidade das revistas femininas não se aplica ao mundo em que vivemos, não insistam! Eu não sei quem as escreve, mas se alguém souber, ofereçam a essas "pessoínhas" uma Playboyzinha sem as meninas descascadas. :)

No comments: